domingo, abril 23, 2006

E esse tal "evangelho" de Judas...

Agora apareceu aí um dito "evangelho" de Judas...
Para um Cristão realmente convertido, isso nenhuma confusão faz, porque os quatro evangelhos (Mateus, Marcos, Lucas, João) são suficientes, e sobretudo, verdadeiros e eficazes. Porém para um simples espectador pode causar alguma confusão. Explique-se isso então.

1- Em primeiro lugar seja esperto...Não acredite em tudo os media lhe enfiam pelos olhos "adentro"...
Muitas pessoas ficam logo "loucas" por causa desta descoberta e pensam que os outros 4 evangelhos estão errados, que não estão

2- Em segundo lugar analize-se alguns pormenores:
- O "evangelho" de Judas não foi escrito por Judas, foi escrito por gnósticos da seita dos cananitas, os 4 evangelhos referidos atrás foram escritos pelos próprios autores, apenas o de Marcos, teve a ajuda do apóstolo Pedro
- O "evangelho" de Judas foi escrito em meados do século II, enquanto os outros 4 foram escritos em meados do século I
- O "evangelho" de Judas tem a mesma origem e é escrito na mesma língua que a livraria de Nag Hammadi, que contem vários livros gnósticos, dos quais também o "evangelho" de Tomás e de Filipe, "evangelhos" estes que também são gnósticos.
- Os próprios especialistas dizem que este "evangelho" nada de histórico tem acerca, tanto de Judas como de Jesus

Mas o que é isso de Gnóstico...
Gnóstico refere a conhecimento que quer puchar tudo para o conhecimento humano. Nos livros grnósticos há vários aspectos que contradizem as escrituras do velho testamento, ao contrário dos livros aprovados no novo testamento que perfeitamente estão e concílio com os livros do velho testamento, tanto históricos como proféticos, etc...

Ainda algumas coisas que devemos tomar atenção...
- Os media impingem que se veja Judas como um traidor, que foi, e que se veja como alguém que foi desprezado por todos e querem arranjar uma trama para dizer que Jesus foi o planeador de toda a crucificação. Mas o que se passa é que a acção de Judas estava profetizada e além do mais Jesus sempre demonstrou perdão para Judas mas este se suicidou. Veja-se que aquando do beijo da traição Jesus diz: "Amigo, a que vieste?..."
Ainda acerca deste assunto muitos tentaram matar Jesus só que não era a altura certa, daí Jesus não morreu e tudo se cumpriu conforme as profecias do velho testamento, que não são poucas...

Para finalizar
Faço minhas as palavras que Deus inspirou o apóstolo Paulo a escrever à Igreja de Filipos: Mas que importa? Contanto que Cristo seja anunciado de toda a maneira, ou com fingimento ou em verdade, nisto me regozijo, e me regozijarei ainda.

Para quem se quiser aprofundar mais neste tema http://www.chamada.com.br/mensagens/evangelho_de_judas.html

3 comentários:

debora disse...

Esta foi só mais uma e não há-de ser a última afronta que a Palavra do Senhor vai receber.
Só para haver mais confusão. Só para não adormecer-mos com a verdade na mão.

*

heaven :) disse...

Sim... defacto, infelizmente, cada vez mais existem teorias e novas "descobertas" para confundirem e derrubarem a fé cristã. Mas Deus não se deixa escarnecer! Esta é a convicção que temos e que nos motiva a enfrentar estas ditas toerias com toda a confiança. Não podemos é ficar calados perante tanta incoerência e afirmações sem nexo. Além disso, temos a promessa: O nosso trabalho não é em vão :)

sofia disse...

pois e isto agr anda td c a mania d descobrir um fio solto no cristianismo pra o destruirem mas n conseguem
"terra e ceus passaram mas Sua Palavra ficara"
foi bom teres posto isto aqui e ate e pena n se publicar + pk ha mt gnt k devia ter acesso a esta informacao.convem k abram os olhos pro k a sociedade,literatura e midias actuais estam a fazer.
obrigada pela explicacao k nem eu propria tava a par ainda
*Dta