domingo, maio 27, 2007

O Inferno

A Bíblia é explícita em dizer que existe Inferno. É também explícita em dizer que foi criado para o diabo e os demónios.

Então dirá também aos que estiverem à sua esquerda: Apartai-vos de mim, malditos, para o fogo eterno, preparado para o diabo e seus anjos; Mat 25:41

Ao lermos este versículo e também os que o antecedem entendemos que o Inferno também vai ser (uma vez que Jesus está a ter um relato profético) um local para onde irão humanos. E assim surge uma espécie de duelo ético, no sentido em que um Deus sobremaneira bondoso, coloca parte da sua criação, que ama / amava num local horrível.

Diabo e seus anjos
Esta espécie de criaturas não têm perdão, foram traidores. Criaturas cujas capacidades lhe conferem mais responsabilidade, no sentido de que estes não têm perdão ao pecarem.

Porque, se Deus não perdoou aos anjos que pecaram... 2Pe 2:4

É notório que para estes foi unicamente o Inferno preparado.

Humanos
O ser humano não é uma criatura angélica, e em toda a Bíblia está manifesto que Deus não quer que este vá para o Inferno, aliás, nem sequer o Inferno foi criado para o Homem como pudemos ver. Por outro lado existem pessoas que vão para o Inferno.

Dize-lhes: Vivo eu, diz o Senhor Deus, que não tenho prazer na morte do ímpio, mas em que o ímpio se converta do seu caminho, e viva.... Eze 33:11

É manifesto que Deus quer que os seres que criou, que têm hipótese de reconciliação, vivam e vivam eternamente com Ele.
O facto de Deus mandar alguém para o Inferno é unicamente um favor, concedendo àqueles que na terra não quiseram a Deus, que assim vivam para todo o sempre, é também verdade que enquanto o ser humano vive, Deus quer que este aceite o dom da vida eterna e o perdão dos pecados que Ele tem para oferecer.

Deus é Amor e quer fazer da vida de cada um, uma vida com sentido, o Inferno não é para o ser humano, ir para lá significa ser enganado por aquele que já tem a sentença ditada, felizmente o perdão ainda é real.

4 comentários:

Mané disse...

Gostaria muito mais de ler um texto sobre o Céu, esse lugar de gozo eterno, onde poderei cantar e louvar eternamente, sem me cansar ou deprimir. Todavia como focaste este tema - o oposto desse local de delícias - devo dizer-te q o detesto , e se há coisas q odeio é isso mesmo: esse local tabu.
O pastor Rossi, não sei se reparaste, nas diferentes pregações, nunca lhe deu tempo de antena nem à criatura q o "governa",talvez porque a nossa ênfase deva ser dada mais ao Deus q tem o Mundo, q me tem a mim e a ti e a cada um de vós, em Suas Mãos.
E sabes, eu acho mesmo q Deus não manda ninguém para lá, Ele dá livre arbítrio, a escolha, o caminho trilhado é pelas pessoas, Deus não é vingativo mas justo, e se assim não fosse " nenhuma alma se salvava" desse local de horror.

Natenine disse...

Jesus Cristo no seu ministério falou mais do Inferno do que do Céu. Existem coisas que devem ser faladas.

Adilson Marques disse...

N9,
Curiosamente tenho lido ultimamente sobre o inferno e embora não seja um bom motivo, o facto de não querer ir para lá é o móbil para que, por vezes, tenha o comportamento correcto.
É interessante verificar que este é um dos temas sobre o qual Jesus mais se debruçou, o que me leva a não entender a omissão deste tema no ensino nas igrejas.
A tua conclusão é muito boa e deixa-nos aliviados, pois mesmo sabendo que o inferno existe, também sabemos o que fazer para evita-lo.
Um abraço.

Adilson Marques disse...

N9,
Curiosamente tenho lido ultimamente sobre o inferno e embora não seja um bom motivo, o facto de não querer ir para lá é o móbil para que, por vezes, tenha o comportamento correcto.
É interessante verificar que este é um dos temas sobre o qual Jesus mais se debruçou, o que me leva a não entender a omissão deste tema no ensino nas igrejas.
A tua conclusão é muito boa e deixa-nos aliviados, pois mesmo sabendo que o inferno existe, também sabemos o que fazer para evita-lo.
Um abraço.